Lançamento de revista e exposição de arte visual marcam o início do Festival Até o Tucupi

Finalmente, novembro chegou. E trazendo com ele, os tão esperados eventos que prezam a produção artística da nossa querida Barelândia.

Dando as boas-vindas ao nosso desejado mês, o Festival  Até o Tucupi começou na terça (01/11), apresentando mais uma proposta que visa valorizar as produções culturais dos nossos quase esquecidos artistas manauaras, que foi o lançamento da 1ª edição da revista Olha Já. E como sempre, o Maodita não podia ficar de fora dessa e foi no lançamento para conferir os  maiores detalhes da revista e do evento.

Apresentação de artes visuais foi a temática escolhida para dar início ao festival. Caso você tenha perdido o lançamento, ainda dá tempo para conferir a exposição “Compacto Arte” que visa aglutinar as obras de vários artistas que se dispuseram participar, tornando acessível suas obras para o público freqüentador do evento. Salientando, a exposição foi dividida em dois ambientes, onde um ficará sendo exposto na galeria do Sesc, no Centro dos dias 01 a 12 de novembro e o outro no pólo de moda, na Alvorada, dos dias 01 a 05 de novembro.

Além da exposição, a noite foi marcada pelo lançamento da revista Olha Já, que será exclusivamente virtual, onde almeja acoplar os trabalhos dos artistas que produzem artes visuais, apresentado-as, através da Internet, possibilitando que qualquer pessoa do Brasil e do mundo as conheça. Inicialmente, a revista terá a sua periodicidade anual, ou seja, será lançada a cada edição do festival. Segundo Paulo Trindade, um dos responsáveis na elaboração do Festival, o número de pessoas que participaram expondo seus trabalhos aumentou significamente, onde na sua primeira edição teve 68 artistas participando ativamente e esse ano, o número chegou a 115, só de artistas que produzem artes visuais.

Mesa redonda "Reflexão sobre as artes visuais em Manaus”

Para encerrar a noite do primeiro dia do Festival, ainda rolou um  bate papo sobre artes plásticas em Manaus, com as participações do artista plástico Turenko Beça, da artista visual, Roberta Paredes e da jornalista e estilista da marca Santa Cris, Cristiane Batista.

Se você não conseguiu ir ao primeiro dia, calma, porque o festival vai continuar rolando até o dia 05 de novembro. Para informações sobre o festival, sobre os envolvidos ou sobre a programação, corre lá no site do evento: www.festivalateotucupi.com

Texto de Dayana Daide e Vinícius Leal

Agende: o mês da cultura em Manaus.

Parece que todos os organizadores culturais da cidade resolveram juntar os eventos mais esperados do ano em um único mês. Novembro chega bem lotado de opções que agradam do forrozeiro ao cult, e o melhor: tudo de GRAÇA. Assim só fica em casa quem quiser.

A programação começa já nesta terça-feira(01/11) com o festival Até o Tucupi. Na sua quinta ediçao , o festival traz uma extensa programação  de workshops, mesas-redondas, exposições fotográficas, lançamento de revista e mostra de filmes  e encerra com mostras musicais. Produzido anualmente pelo Coletivo Difusão, o festival tem como foco valorizar as produções artísticas realizadas no Amazonas. Uma boa oportunidade para você conhecer as várias bandas locais que vão tocar.

E para quem procura saber um pouco mais sobre como funcionam a produção de projetos culturais, não custa dar uma olhada na programação acadêmica. Tudo e mais um pouquinho no site: http://www.festivalateotucupi.com

Cinema

Os amantes de cinema também não tem do que reclamar. Ainda esta semana inicia o  Amazonas Film Festival.  A 8ª edição é realizada de 3 a 9 de novembro. São 33 filmes de 10 países, distribuídos em três mostras competitivas: Longa-metragem, Curta-metragem Brasil e Curta-metragem Amazonas.  Entre os destaques do festival está a estreia mundial de “Xingu”, novo longa de Cao Hamburger; além dos filmes “Late Bloomer”, de Julie Gavras, e “Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios”, de Beto Brant e Renato Ciasca.

O  júri das mostras competitivas conta com os  nomes de Tizuka Yamazaki, Randa Haines, Ivan Giroud, Alfonso Herreira, Cao Hamburguer, além de ter Fernando Meirelles como Presidente de Honra. Quem sabe rola uma sorte de conhecer esse pessoal nas Convivências de cinema que todo ano fazem parte da programação acadêmica. Corre e se inscreve: http://www.amazonasfilmfestival.com.br

O Teatro Mágico é uma das bandas confirmadas para o evento

Tudo junto e misturado

E pra finalizar, nos dias 12 e 13 acontece a 2a edição da Virada Cultural de Manaus. Segundo o twitter oficial do evento são várias atrações nacionais e locais já confirmadas, entre eles Erasmo Carlos, Pitty e Monobloco. Serão 11 palcos espalhados por toda a cidade, com atrações durante 24h de evento. A prefeitura ainda não  lançou a programação oficial. Quem quiser ficar mais interado só através da página do facebook e twitter do evento.

Mito da Caverna é tema de discussão em palestra

A Nova Acrópole promoverá nesta quarta-feira, 19 de Outubro, às 20h a aula demonstrativa gratuita “Mito da Caverna: Realidade x Ilusão”. Através do mito mais famoso de Platão que foi popularizado entre os jovens pelo cinema, a palestra ensinará política e filosofia. O evento ocorrerá na sede da instituição, localizada na rua  Teresina, n° 75, Adrianópolis  – próximo ao restaurante Banzeiro e é gratuito.

O Mito da Caverna é o mito mais popular de Platão, já foi adaptado para o cinema duas vezes em Matrix e o Show de Truman, onde seus protagonistas personagens – Neo e Truman – escolheram viver a realidade ao invés de uma situação encenada. A palestra busca trazer reflexões importantes sobre nossas escolhas e suas influências na sociedade. A aula será ministrada por Leandro Botelho, professor da Nova Acrópole e há 10 anos dá cursos e palestras voltados para o aperfeiçoamento humano.

Agende: 6º SketchCrawl Manaus

No  próximo sábado (15) Manaus terá mais um SktechCrawl. O encontro de desenhistas chega à sexta edição e será realizado no Parque dos Bilhares, zona centro-sul da cidade. Para participar é muito simples: basta levar seu material básico de desenho (papel, lápis e borracha) e voilá!

Quem quiser ficar por dentro das discussões do SketchCrawl Manaus basta acompanhar o grupo  no Facebook. Para ver o que rolou na edição passada do evento, é só dar um clique  aqui.

6º SketchCrawl Manaus

Quando: 15 de outubro, a partir das 16h

Onde: Parque dos Bilhares

Quanto: grátis

Agende: Manaus Bem na Foto – Festival de Fotografia

A capital amazonense vai respirar fotografia, mais uma vez. Está chegando mais uma edição do Festival  Manaus Bem na Foto que acontece de 14 a 24 de outubro de 2011.

A programação deste ano inclui palestras, workshops, leituras de portifólios, exposições e outras atividades. Agrande novidade é a realização do I Fórum Amazonas de Fotografia, que acontece dias 15 e 16 de outubro e coloca em debate a produção fotográfica local, políticas públicas para a fotografia no Amazonas e intercâmbios na Amazônia.

As Palestras/Photovivências já confirmadas são de Alexandre Sequeira e Guy Veloso (PA), Marcio Vasconcelos (MA), Rodrigo Braga (RJ), Jimmy Christian, Marcio Silva e Amarildo Oliveira (AM) e Fotoclube Roraima (RR). Os workshops ficam nas mãos dos fotógrafos Raphael Alves, Carlos Navarro e Emanuel Pires (AM).

Entre as exposições estão “Amazônidas” do grupo A Escrita da Luz,  “Brincadeira de Criança”, de Francisco Araújo, “A Velha Manaus Moderna”, de Michell Mello, ‘Ritual Dessana’ de Paulo de Lima, Coletiva Fotonascimento, ‘Corpos em movimentos’ de Evandro Seixas, ‘Uma Certa Amazônia’ de Alberto Cesar Araújo, ‘Wotchimaucü’de Raphael Alves, ‘Waimiri Atroari’ de Ricardo Oliveira, ‘Retratos da Amazônia’ de Ione Moreno e ‘Navio Gaiola – Cores Entrelaçadas, Conservação da Amazônia e Pescadores de Doações’ de Alexandre Fonseca, todos do Amazonas. Já as exposições visitantes trazem os  nomes dos paraenses Alexandre Sequeira e Guy Veloso, respectivamente com as obras Nazaré de Mocajuba e Entre a Fé e a Febre e a coletiva Fragmentos de Roraima, do Fotoclube-RR.

Sobre o projeto

O  “Manaus Bem na Foto” já é realidade desde 2006, levando ações sociais a praças, ruas, escolas e comunidades periféricas e ribeirinhas de

Manaus, sempre na semana do aniversário da cidade. Um dos resultados desse trabalho foi a criação do grupo de fotografia amazonense “A Escrita da Luz”, que revela novos talentos e hoje é um dos grupos mais atuantes da fotografia brasileira, segundo a revista Fotografe Melhor.

Em 2010, o projeto chegou ao amadurecimento com a realização da primeira edição do “Manaus Bem na Foto – Festival de Fotografia”, um marco para a fotografia nortista com o encontro e a criação da Rede Amazônia de Fotografia. – Rede de Produtores Culturais da Fotografia na Amazônia, composta por fotógrafos e produtores culturais de todos os Estados do Norte.

Outras informaçoes e a programação completa estão disponíveis no blog http://manausbemnafoto.blogspot.com/

Draw a Stickman

A semana ainda tá na metade, mas o Maodita tem uma receita que vai te fazer abrir o sorriso:

1. Acesse o site  www.drawastickman.com;

2. Desenhe um boneco de palito;

3. Aperte o botão Done. 

E voilà 😀

Pra quem gosta de histórias bem contadas e criativas, bom proveito !

Agende: Oficina de desenho

O artista plástico colombiano Adilberto Mora ministrará uma oficina prática de desenho de rostos no período de 3 a 7 de outubro, no Espaço Cultural Valer. O artista plástico já percorreu dezenas de cidades brasileiras ministrando cursos e repassando seus conhecimentos adquiridos em mais de 40 anos de experiência com desenhos de rostos humanos. A oficina é destinada a qualquer pessoa interessada em desenho. O método foi desenvolvido pelo próprio artista, composto de exercícios de soltura das mãos, exercício para cabelo, sobrancelhas, olhos, narizes, bocas e proporções de cabeça.

Adilberto Mora nasceu em Granada, na Colômbia, e dedica-se ao desenho desde sete anos de idade. Estudou no Instituto da Cultura da Cidade de Cúcuta, iniciando sua carreira profissional aos 17 anos preparando exposições constantes de seus retratos em diferentes países sul-americanos e na Europa. Dedicando-se ao ensino desde seus 35, criou técnicas rápidas e dirigidas. Em Manaus, ministrará uma oficina intensiva de 10 horas com início no dia 3 até o dia 7 do mês de outubro. Serão aulas práticas, nas quais as pessoas poderão aprender as técnicas que estimulam o lado direito do cérebro, local responsável pela parte criativa e imaginativa do indivíduo.As aulas serão ministradas em dois períodos (tarde e noite), com turmas distintas de no máximo 20 integrantes.

Turma 1: das 14h às 16h

Turma 2: das 18h30 às 20h30.

Os interessados podem obter mais informações pelos telefones: (92) 3635-1324 ou 8170-8175. Ao final do curso, os participantes receberão certificado emitido pelo Instituto Nacional Valer de Cultura.

  • Período de realização: De 03/10/2011 a 07/10/2011.
  • Local para realização: Espaço Cultural Valer (Rua Ramos Ferreira, 1195 – Centro)
  • Investimento por aluno: R$ 100,00.
%d blogueiros gostam disto: